quarta-feira, dezembro 28, 2011

Com "Fatty Folders", o germânico Roman Flügel estreia-se finalmente no formato longa-duração. Good shit!


1 comentário:

  1. Não ficas com a ideia que fica assim a meio caminho de um house e um minimal e num formato assim antiguinho? Lembrou-me um Jesse Somfay mais House.

    ResponderEliminar